Something\’s burning [or a fancy name for Esturrico]

Fevereiro 7, 2007

Chèvre au Rouge

Filed under: Alcoolismo Social,Comida Afrodisíaca,Doces,Entradas — by aL @ 11:27 pm

Tal como tinha prometido e no seguimento o post da elise, mais uma receita para um jantar romântico. Provei pela primeira vez esta receita no jantar de aniversário da minha amiga ManaCélia. E 2 dias depois tentei perceber como fazê-la, é essa experiência que aqui partilho.

Para 2 Pessoas

Ingredientes:

2 rodelas de queijo chèvre [com cerca de 5cm de altura]
200gr de frutos vermelhos [framboesas, amoras, mirílios, morangos]
6 colheres de sopa de açúcar
150 ml de água
1 cálice de Vinho do Porto

Preparação:

Enquanto o forno aquece à temperatura máxima, colocamos o açúcar e a água num tacho e vai a lume brando, mexendo sempre. À medida que ferve o líquido vai expessando, Percebe-se isso pois a água borbulha imenso e faz uma espuma transpasrente.

Assim que o açúcar estiver neste ponto mas espesso, para perceber isso basta pegar numa colher e fazer escorrer um pouco da água, se ela cair em gotas, ao invés de em fio, está no ponto e retiramos o tacho do lume. Juntamos então os frutos vermelhos [que já se encontram com facilidade frescos nos supermercados, ou então congelados].

Entretanto o forno já aqueceu, colocam-se as rodelas num tabuleiro e vão a gratinar durante 10 min. Volta-se a ligar o fogão e coloca-se o preparado de frutos vermelhos em lume brando. Adiciona-se o Vinho do Porto, e fica ao lume durante 5min. mexendo sempre.

Depois do queijo estar gratinado basta cobrir queijo com este preparado de frutos vermelhos.

Nota 1 : esta receita tanto pode ser servida como entrada [como aconteceu no restaurante onde eu a provei pela 1ª vez] ou como sobremesa como eu servi em casa. Atenção esta receita é só para quem [naturalmente] goste de queijo de cabra!

Nota 2 : se não for possível arranjar os frutos vermelhos, podemos substituir por doce de frutos silvestres [de preferência com pedaços de fruta]. Leva-se umas boas colheres de doce ao lume e junta-se-lhe o Vinho do Porto, mexe-se bem durante 5min e está pronto.

Na Imagem: The Lovers [1928] René Magritte

Anúncios

Deixe um Comentário »

Ainda sem comentários.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: