Something\’s burning [or a fancy name for Esturrico]

Abril 18, 2007

o que fazer com elas? ou o algaramojo

Filed under: Chef Convidado,Pratos de Peixe,Regional — by jmnk @ 6:55 pm

Falo de sardinhas é claro.Trata-se de uma receita um tanto obscura que apenas conheço na família. Nunca a vi escrita em nenhum livro de cozinha do baixo alentejo, e olhem que procurei. O algaramojo serve como variante mais leve e fresca à típica sardinhada ou como forma de reaproveitar as sardinhas do dia anterior. As ditas, depois de assadas, são amanhadas para retirar a pele, a barriga e a ponta do rabo, e reservam-se até arrefecerem. Os pimentos (a gosto) e uma (ou duas) cabeças de alho são assados (pode ser mesmo no bico do fogão; a cabeça de alhos assa inteira). Depois de limpos das peles e partes mais escuras são cortados às fatias os pimentos e ao meio os dentes de alho. Cozem-se batatas e cortam-se aos bocados. O tomate maduro (assado também serve) é cortado também aos bocados. Mistura-se tudo e tempera-se com pouco sal, azeite (de Moura) e água fria. Convém apenas juntar as sardinhas à mistura quando for servida a refeição para o líquido não começar a oxidar (escurecer). Acompanhar com fatias generosas de pão alentejano.
A posologia dos ingredientes é bastante liberal; o “olho” do responsável e a quantidade de convivas devem ditar as leis.

Anúncios

Deixe um Comentário »

Ainda sem comentários.

RSS feed for comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: