Something\’s burning [or a fancy name for Esturrico]

Setembro 23, 2007

Tomatada

Filed under: Chef Convidado,Regional — by ruicarmo @ 8:49 am

Bem sei que tenho faltado à chamada e que não precisavam de saber estas coisas, mas mesmo assim cá vai: a tomatada serve-me de transporte para viajar até à minha infância. Na altura, o meu avô tinha uma horta e quando era tempo de o colher, a cozinha ficava repleta do fruto vermelho, guardado em caixas de madeira. O cheiro característico e a cor que contrastava com o cal das paredes permanecem para sempre na minha memória. Tal como os sabores da sopa de tomate com ovos, o doce de tomate (um dia estará no Esturrico) e a tomatada. Confesso que nem sempre gostei de tomatada mas a minha Madrinha, com um truque, colocou-me no caminho certo. Experimentem e bom proveito.

Ingredientes (para quatro pessoas)

1,5 kg de tomates (bem maduros)

8 ovos

2 cebolas

2 dentes de alho

1 folha de louro e pitada de sal

Azeite (a tapar o fundo ao tacho)

Mãos à obra

Pica-se a cebola bem miudinha. O tomate, já descascado, é picado aos bocados muito, muito pequenos. Deixa-se alourar a cebola, com o alho, no azeite. Quando se alcançar as cores do cabelo da Scarlett J. acrescenta-se o tomate, já partido, sem pele nem sementes e deixa-se apurar. Parte-se cada ovo individualmente e junta-se, mexendo, ao que já se encontra no tacho. Deixa-se ferver dois minutos. Apaga-se o fogo e está pronto. Não me esqueci do truque.Aqui está ele: para quem tem crianças (ou não resiste ao pecado da gula), o sucesso estará mais garantido se a tomatada for acompanhada por batatas fritas. Faz mal mas sabe muito bem.

Anúncios

12 comentários »

  1. […] A tragédia aconteceu no Esturrico. Passem por lá, evitem as minha tragédias culinárias mas uma coisa é certa-o resto faz crescer água na boca. […]

    Pingback por O Insurgente » Blog Archive » Tomates assassinos — Setembro 23, 2007 @ 8:59 am |Responder

  2. É assim um dos meus pratos favoritos! Como até não poder mais! 😉

    Comentar por Sofia — Setembro 23, 2007 @ 9:46 am |Responder

  3. Ainda bem, cara Sofia. E com ou sem batatas fritas? 🙂

    Comentar por ruicarmo — Setembro 23, 2007 @ 9:51 am |Responder

  4. Tanto faz! Já a comi só a acompanhar com pão caseiro, outras vezes, com batatas fritas. O que interessa mesmo é a tomatada estar saborosa… E hoje até podia bem ser o meu almoço. 😉

    Comentar por Sofia — Setembro 23, 2007 @ 10:17 am |Responder

  5. Muito bem. Mãos à obra, Sofia. Nada como seguir os apetites. Pelo menos aqueles que são possíveis. 🙂

    Comentar por ruicarmo — Setembro 23, 2007 @ 10:21 am |Responder

  6. Ora bem… pelo menos os que são possíveis…

    Comentar por Sofia — Setembro 23, 2007 @ 11:47 am |Responder

  7. finalmente menino rui! 😉 essa aí da cor do cabelo da scarlett é que não percebi bem, a qual das colorações é que te referes?

    [hummm… doce de tomate :P]

    Comentar por aL — Setembro 24, 2007 @ 12:26 am |Responder

  8. Apesar de tudo, o povo costiuma dizer mais vale tarde do que nunca. e tu e a eleise é que têm a “culpa”. Quanto à scarlett, parece que vamos ter muitos problemas daqui para a frente. Sabes que tenho na garagem umas caixas de tomates em fase de apodrecimento?

    Comentar por Rui Carmo — Setembro 24, 2007 @ 8:36 am |Responder

  9. já experimentei esta recieta, mas no género continuo a a versão mais simples; azeite, tomate, pão e ovos, e sempre sempre com batata frita 😉

    Comentar por jmnk — Setembro 24, 2007 @ 9:47 am |Responder

  10. alias, jmnk já tinha publicado essa receita! logo a ver se a puxo para esta zona, para quem por cá passar escolher a que lhe apetecer. 😉

    rui, eu sou uma kellyana irredutível, mas lá dou o benefício da dúvida a uma bellucci. agora uma scarlett armada em ava gardner de 5ª, por favor! e olha que eu mordo 😉

    Comentar por aL — Setembro 24, 2007 @ 10:41 am |Responder

  11. A concorrência é sempre saudável (óptima desculpa por não me ter apercebido da reptição…). Quanto ao resto, confesso que também sou devoto da Grace Kelly, uma mulher belíssima.
    Mas que treta é essa de “dou o benefício da dúvida a uma bellucci”? e pior, muito pior, considerares a deusa “scarlett armada em ava gardner de 5ª”. E se mordes, tenho guardados especialmente para ti os Expressos antigos. Experimenta a rosnar contra as minhas Senhoras. Agora, iniciaste uma guerra. 😉

    Comentar por Rui Carmo — Setembro 24, 2007 @ 10:51 am |Responder

  12. sim a grace kelly tem lugar no olimpo!!! a monica, tem um altar!!

    quanto à escarlatina, é uma febre da qual felizmente não sofro!!!

    Comentar por aL — Setembro 24, 2007 @ 11:23 am |Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: