Something\’s burning [or a fancy name for Esturrico]

Julho 28, 2008

Meloa com Vinho do Porto

Filed under: Alcoolismo Social,Doces,Healthy — by Elizabete Dias @ 10:48 pm

– 2 meloas não muito maduras
– 1 colher de gengibre em pó
– 30 g de amêndoas fatiadas
– 5 cl de vinho do Porto

As meloas devem ser cortadas a meio, transversalmente e colocadas numa travessa depois de retirar as pevides. Polvilhar as meloas com gengibre, salpicar com amêndoas fatiadas e regar com o vinho. Deixar no frigorífico durante duas horas. Deve ser servido frio.

Dezembro 17, 2007

RECEITA DE PERU COM WHISKY

Filed under: Alcoolismo Social,Festas — by eduardamaria @ 3:22 pm

Ah, o peru… Pois, para quem está com dúvidas quanto à sua confecção, aqui fica uma receita de peru própria para o Natal.

Ingredientes:
1 garrafa de whisky
1 peru de aproximadamente 5 Kg
Sal, pimenta e molho verde a gosto
350 ml de azeite virgem
500 g de bacon em fatias
Nozes moídas

Modo de preparar:
Envolver o peru no bacon e temperá-lo com sal, pimenta e molho verde a gosto. Massajá-lo com azeite.
Pré-aquecer o forno durante aprox. 10 minutos.
Beber uma boa dose (dupla) de whisky enquanto aguarda.
Colocar o peru numa assadeira grande.
Sirva-se de mais duas doses de whisky.
Ajustar o terbostato na marca 3, e, debois de uns binte bidutos, bonha a assassinar. Digu, assar a ave. Beber bais uba dose de whisky.
Debois de meia hora, formar a baertura e controlar a asssadura do pato.
Tentar zentar na gadeira, zervir-se de uooooootra dose boa de whisky.
Gozer (?), gosturar(?), gozinhar (?), sei lá, fazer o beru.
Deixááár o vilho da buta no vorno bor ubas 4 horas.
Tentar tirar a berda do beru de lá.
Bandar bais uba boa dose de whisky pa dentro, dendar nobabente tirar o maricas do beru do vorno, burgue na bribeira denndadiiiva dãão deeeeeeeuuuu.
Begar no beru que gaiu no jão, e enjugar o vilho da bãe gom o bano de limparrr o jão e gologá-lo duba pandeja ou galguer outra borra.
Avinal, vozê nem gossssssssta buito dessa cena de beru nem nada. Bronto!

Ponche de Natal

Filed under: Alcoolismo Social,Bebidas Alcoólicas,Festas — by Elizabete Dias @ 2:44 am

xmas punchIngredientes

  • 4 dl de vinho tinto
  • 1 copo de rum
  • 75 gramas de açúcar
  • 3 cravos de cabecinha
  • noz moscada
  • 1 limão
  • 1 laranja

Preparação:

  • Em fogão tradicional: levar o vinho e o rum ao lume. Quando levantar fervura, adicionar o açúcar, as especiarias e o sumo de limão. Mexer e deixar aquecer muito bem.
  • Em micro ondas: levar o vinho e o rum, num recipiente próprio e alto durante oito minutos, na potência máxima. Juntar o açúcar, as especiarias e o sumo de meio limão. Levar mais dois minutos na potência máxima (sem deixar ferver).

Deve ser servido numa taça alta, de vidro e enfeitado com rodelas de limão e laranja.
(hic)…

Outubro 6, 2007

Bloody Mary

Filed under: Alcoolismo Social,Bebidas Alcoólicas — by aL @ 8:22 pm

Ora bem, já que o chef Rui Carmo declarou a cozinha como zona de guerra, cá vai um Bloody Mary.

 

O Bloody Mary não é uma bebida consensual, nem todas as pessoas apreciam o tomate [o ingrediente principal], por isso se for para servir numa festa, será conveniente fazê-lo em doses reduzidas e oferecer outras opções aos convivas. Contudo o Bloody Mary é uma bebida agradável, especialmente para um final de tarde ameno. Coisa que ainda vamos tendo.

 

Ingredientes:

3 doses de sumo de tomate
1 dose de vodka
sumo de limão (a gosto)
tabasco (a gosto)
sal (a gosto)
1 colher de sopa molho inglês

Preparação:

Junta-se o sumo de tomate [atenção, é sumo e não polpa!!] e a vodka, mexe-se bem. Adiciona-se um pouco de sumo de limão, uma pitada de sal, umas gotas de tabasco [é melhor ser prudente e depois rectificar] e 1 colher de sopa de molho inglês. Agora deveria-se agitar tudo muito bem num shaker, mas pode mexer energicamente com 1 colher. Prova-se para perceber se está a gosto e serve-se num copo alto com gelo e um talo de aipo para roer! [é opcional e meramente decorativo o aipo].

Na imagem: Maria Tudor, a Bloody Mary

Setembro 24, 2007

ajudar à festa (Monte Carlo vs. Grace Kelly)

Filed under: Alcoolismo Social,Bebidas Alcoólicas,Chef Convidado — by jmnk @ 1:46 pm

Monte Carlo:

– 1/2 medida de Crème de Menthe;

– sumo de limão;

– 3/4 de Gin (Bombay Sapphire de preferência);

– Champagne (full on lust mode: Veuve Clicquot).

Num shaker misturar o Crème de Menthe, o gin e o sumo de limão com gelo. Coar para um flûte completando com o champagne e um twist de sumo de limão fresco.



Grace Kelly (consta que gostava de Monte Carlo, e da cidade também)

Agosto 17, 2007

Gingado

Filed under: Alcoolismo Social,Bebidas Alcoólicas — by aL @ 12:56 pm


Outra das bebidas maravilhosas que bebi naquele restaurante “secreto” foi o Gingado, que é basicamente uma versão longa do mojito.

Esta receita é óptima para fazer em festas ou finais de tarde em que se convida os amigos para uma bebida ao pôr-do-sol. Volto a avisar, as medidas não são exactas, devendo cada pessoa aperfeiçoar o cocktail ao seu gosto pessoal. Por experiência, prefiro começar por uma dose modesta de álcool, pois assim posso sempre acrescentar até ficar perfeito.

Para 6 pessoas

Ingredientes:

Gelo (muito gelo)
1 ramo de hortelã
6 doses de gin
3-4 colheres de sopa de açúcar
sumo de limão
2 latas de 7up (ou equivalente)

Preparação:

Depois de bem lavadas as folhas de hortelã colocam-se num jarro. Mistura-se 3-4 colheres de sopa de açúcar e o sumo de 1 limão. Mexe-se tudo esmagando as folhas contra a parede do jarro, de forma a que a hortelã vá libertando o aroma. Mas não se deve esmagá-las ao ponto de ficarem em papa. De seguida, coloca-se o gelo (de preferência picado) e faz-se a mistura com as doses de gin e 7up (2 latas). Com uma colher grande (eu tenho um instrumento muito bom para isso: o mexilhote) mexe-se bem o cocktail rectificam-se as doses, se necessário e está pronto a servir!

Julho 1, 2007

Long Island Cocktail

Filed under: Alcoolismo Social,Bebidas Alcoólicas — by aL @ 10:34 pm

Na passada 4ª-feira, dia de aniversário do meu amigo Ricardo, fui a um magnífico restaurante aqui em Lisboa. Um restaurante-buffet com um delicioso paté de rúcula [tenho de descobrir como se faz] onde servem umas long drinks maravilhosas. Curiosamente quando comentei esta minha descoberta com a minha amiga Meres [que anda muito desaparecida daqui da cozinha!!!], não é que ela também já conhecia o espaço. Parece que a informação sobre este restaurante se começa a espalhar.

Mas o que eu quero deixar aqui é a receita de um dos cocktail’s que bebi: o Long Island!

Ingredientes:

1 dose de vodka
1 dose de tequila
1 dose de rum
1 dose de gin
sumo de lima
coca-cola

(more…)

Maio 20, 2007

Refresco de Melancia

Filed under: Alcoolismo Social,Bebidas Alcoólicas — by aL @ 3:36 pm

Domingo à tarde é sempre um bom dia para convidar uns amigos para uma Bake&Drinking Party. Para já começo com a parte do Drinking [experiência que já está testada], e mais tarde relato o Baking [estão no forno uns pães de leite que cheiram muito bem. A ver vamos como ficam 🙂 ]

Refresco de melancia

Ingredientes:

2 kg de polpa de melancia
3/4 de chávena de açúcar [opcional]
1 chávena de tequila [opcional]
1 chávena de sumo de lima
1 lima
gelo
hortelã

Preparação:

Em primeiro lugar deve-se tratar do gelo, que deverá ser picado. Eu uso o meu liquidificador – que tem uma função específica para isso mesmo – outra opção poderá ser colocar os cubos de gelo num saco plástico, atá-lo e depois com uma frigideira bater no saco. O gelo não precisa de ficar muito picado. Coloca-se então o gelo no jarro que irá à mesa.

Depois de retiradas a casca e todas as pevides da melancia (que neste estado deverá pesar cerca de 2kg), coloca-se esta polpa no liquidificador – quem não tiver poderá fazer o mesmo recorrendo a uma varinha mágica – e reduz-se a polpa a sumo. Ficará sempre um sumo relativamente espesso, o que é normal. Junta-se o sumo ao gelo que está no jarro e mexe-se bem. Entretanto espremem-se 4-5 limas (para que dê 1 chávena de sumo) e num recipiente mistura-se ao sumo das limas o açúcar e a tequila (que optar por não usar álcool deverá substituir a tequila ou por água ou por gasosa). Mexe-se bem, para que o açúcar se dissolva no liquido e finalmente adiciona-se ao sumo que está no jarro. Mistura-se bem e junta-se uma rodelas finas de lima e umas folhas de hortelã.

Está pronto a servir, acompanhado por uma banda sonora bem vermelha, porque André, por aqui we’re still in red!;)

Nota: este refresco é uma versão adulterada da receita do Watermelon-Tequila Resfreshers que saiu na edição de Março da revista Martha Stewart Outdoor Living

Na Imagem: Red Square: Painterly Realism of a Peasant [1915], Kasimir Malevich

Maio 8, 2007

Delírios em Vermelho

Tudo começou em casa da Lia, eu ao invés de acompanhar um chá com uns biscoitos, decidi comer chantily com caramelo. Pois bem, tomei-lhe o gosto e decidi inventar um pouco. Foi assim que surgiu esta minha receita, que também serve para acalmar os ânimos aqui na cozinha e por outros lados. Esta estória dos tomates assassinos já tomou proporções exageradas e alguém tem de pôr esta rapaziada insurgida no lugar 🙂

Para 2 pessoas

Ingredientes:

400gr de morangos
1 cálice de Vinho do Porto
sumo de limão
chantily
caramelo
hortelã

Preparação:

Depois de bem lavados e de se lhes tirar os pés, cortam-se os morangos (ao meio se forem pequenos, aos quartos se forem grandes) e regam-se com sumo de limão. Leva-se a lume brando um tacho anti-aderente (pode ser uma frigideira) e colocam-se os morangos, mexe-se sempre e adiciona-se o Vinho do Porto. Quem for mais experiente poderá flamejar os morangos (ou seja, fazer aquela labareda gira que os cozinheiro gourmet adoram fazer!). Isto é uma operação que não deverá demorar mais do que 2 min. Após deixar arrefecer os morangos coloca-se metade do preparado numa linda taça de vidro e o resto noutra. Cobre-se com chantily a gosto e depois caramelo. Para dar um toque fresco e decorativo, colocam-se 2 folhas de hortelã no topo da pirâmide.

Esta é uma receita quite red, para que o André restabeleça os níveis de adrenalina causados por revelações que o surpreenderam.

Na Imagem: L’Atelier Rouge [1911], Henri Matisse

Fevereiro 20, 2007

Sangria de espumante

Filed under: Alcoolismo Social,Bebidas Alcoólicas,Cocktail's — by aL @ 8:33 pm

A nossa leitora Rosario pediu-nos uma receita de sangria de champanhe. Curiosamente na festa de aniversário da minha amiga ManaCélia bebi uma sangria branca e fiquei com vontade de experimentar em casa. Esta é uma possível combinação, que é obviamente adaptável ao gosto pessoal de cada um.

Ingredientes:

1 garrafa de espumante
1/2 litro de sumo de tutti-frutti
100gr de morangos
2 maçãs
2 laranjas
4 colheres de sopa de açúcar
hortelã
2 paus de canela

(more…)

Página seguinte »

Create a free website or blog at WordPress.com.